Cabo Daciolo ataca o sistema da nova ordem mundial e glorifica DEUS em debate

0
1391

Cabo Daciolo com uma postura muito confiante, desempenhou seu papel como cristão no primeiro debate entre candidatos a Presidência da República. Ele criticou em mídia aberta a nova ordem mundial e os poderosos corruptos.

Daciolo criticou diversos candidatos presentes indiretamente, e fez inúmeros apelos para que as pessoas vigiassem bem em quem iriam depositar seu voto nas próximas eleições.

Na realidade, Daciolo criticou o sistema, que já foi composto por diversos políticos presentes no debate, e que são as famosas cartas marcadas da politica brasileira. Pois, segundo Daciolo, em época de eleições prometem inúmeras coisas e tem a solução para todos os problemas, mas que em quanto tiveram poder de mudar algo, sempre deixaram a desejar, e ignoraram os anseios e necessidades da população.

Em dizer que Ciro foi um dos fundadores do “Foro de São Paulo” a criticar políticos velhos de casas e ociosos, Daciolo mencionou a importância de acabar com a corrupção: “Nós vamos pegar esses caras, vamos pesar a mão sobre eles e não escapará ninguém”, disse o presidenciável em detrimento aos corruptos que são contemplados com a impunidade.

Candidato a presidência, Daciolo (PATRIOTA), a todo instante dizia que DEUS irá fazer do Brasil uma nação próspera, e que é tempo de renovação, de tirar os políticos cartas marcadas e dar espaço para o novo.

No final do debate, em seu último pronunciamento chegou a citar um trecho da Bíblia contido em Jeremias, onde DEUS pede ao povo que o busque de todo o coração, e assim O achareis: “Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração.” Jeremias 29:12,13

Daciolo ressaltou que um dos seus principais focos é a educação desde a pré-escola, pois considera que seja essencial para a formação profissional dos alunos.

O candidato também reclamou que não é mencionado nas pesquisas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here