Você acredita que o inferno existe? Garanto-te que sim, ele é uma realidade que te fará se aproximar mais de Deus

Conheça a verdadeira realidade do Inferno, e com certeza irá desejar dedicar ainda mais sua vida à Deus.

Você acredita que o inferno existe? Ou seria somente um conto narrado por alguém?

Segundo novas pesquisas, 81% dos americanos já adultos acreditam que o céu de fato existe, e outros 80% aguardam ir para lá quando morrerem. Em outra pesquisa, por volta de 61% acreditam que inferno também exista, no entanto, cerca de 1% dessa pesquisa acreditam que iram para lá quando morrerem. Em outras palavras, uma baixa parte dos americanos ainda continua acreditando que o inferno existe, no entanto, o temor genuíno do inferno é quase que inexistente.

Mesmo os cristãos mais conservadores não aparentam de fato levar o inferno mais a sério. Durante muito tempo, diversos cristãos têm reduzido verdades bíblicas, ignorando alguns temas que parecem requerer mais reflexão da humanidade. Doutrinas como a deformidade humana, a ira divina, o excesso de pecado e a realidade do juízo final parece que desapareceram das mensagens pregadas nas igrejas evangélicas.

A tendência não desapareceu definitivamente da atenção de todos. Por volta de trinta anos atrás, Martin Marty, escritor religioso, professor na Escola de Divindade da Universidade de Chicago e analista de tudo o que se refere ao mundo evangélico, deu um discurso envolvendo o tema da imortalidade em uma de suas palestras na Escola de Divindade de Harvard. A legenda de sua palestra foi “O Inferno Desapareceu. Ninguém Notou”.

A pesquisa de Marty não arrecadou ao menos um artigo acadêmico que envolvesse algum tema relacionado ao inferno em qualquer postagem teológica significativa do último século. Apontando a carência de atenção em um tópico tão numeroso, Marty propôs que se os cristãos efetivamente levassem a sério o que a Escritura Sagrada dizia a respeito do Juízo final, alguém com certeza daria credibilidade a sua palestra.Clique na seta abaixo, após a publicidade, para continuar lendo a matéria.

PRÓXIMA PÁGINA
1 / 3